O dinheiro compra sucesso na música sertaneja?

Um assunto que vale a pena ser discutido

Estava pensando em uma postagem sem citar nomes, expondo um pouco da minha ideia sem afetar a imagem de alguém, sem apontar dedos. Mas o blog é o único lugar onde posso expor certas opniões próprias, que muitas vezes geram uma raiva entre alguns, e afinidade de idéias com outros.

Antes de tocar no delicado ponto que vou abordar, lembro a vocês que alguns grandes nomes (antigos e atuais) da música sertaneja já comentaram sobre o assunto.
Jorge, Victor, Rick, todo mundo já está cansado de ver cutucadas por toda parte, a maioria com rasão.
O que mais incomoda atualmente não é nem a quantidade de porcarias que lançam nas rádios, oque me tira do sério são certos “cantores” que “pagam para fazer sucesso”.

Investem em publicidade em sites sertanejos, inclusive em blogs renomados do ramo, para conseguir a visibilidade do público e dos grandes empresários. O pior de tudo é que eles conseguem!

Vou citar um exemplo que para mim retrata bem oque estou dizendo.
Seja qual o site de música sertaneja que você visitar, vai ver alguma coisa relacionada a um tal de “Euripinho Sollo” (olha so o nome do sujeito) divulgando sua música e videoclipe de trabalho.
Pode até ser que esta exibição não seja paga. Mas eu acho muito pouco provável que uma música como “Cabaré da Lena” seja elogiada por blogueiros que se dizem admiradores do verdadeiro sertanejo de qualidade, de graça.
A música não é boa, o clipe não e bom, o cara não canta bem. E mesmo assim está estampado nos principais sites do mercado. Quem estiver duvidando, basta ver o clipe abaixo, tem Panicat, Marquito e mais um monte de coisa que não serve pra fazer um clipe ser bom.

Saudade dos tempos em que pra fazer sucesso a música teria que ser boa. Pretendo repercutir mais o assunto, aguardem.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *